Clínica São Vicente passa a contar com serviço de referência da D’Or

, Sem categoria

 

A incidência e a prevalência de dor, seja como sintoma (dor aguda) ou como doença (dor crônica) são, significativamente, altas nas diversas populações. Em torno de 80% dos pacientes cirúrgicos apresentam dor pós-operatória, sendo 11 – 20% de grande intensidade.

O impacto negativo de seu controle ineficiente pode ser observado nos sistemas imune (aumento de infecções pós-operatórias e demora na cicatrização de feridas), cardiovascular (maior incidência de isquemia coronariana), renal, gastrointestinal (demora no retorno da atividade peristáltica), além de dificultar de mobilização do paciente (maior incidência de tromboelismo), aumentando o tempo de internação e o número de readmissões.

Estima-se que a prevalência de dor crônica seja de 1/3 da população mundial, demonstrando-se um problema crescente nos países em desenvolvimento. Nos Estados Unidos, ela afeta um número maior de indivíduos do que diabetes, coronariopatias e câncer juntos.

Diante disto, a estruturação de um serviço de dor em um ambiente hospitalar tem sido considerado de fundamental importância para uma melhor qualidade no atendimento.

Neste sentido, a Clínica São Vicente, tradicional hospital no Rio de Janeiro, passa a contar com um serviço de referência em Medicina da Dor, que oferecerá atendimento especializado e tratamento para os pacientes internados no hospital através de equipe multiprofissional, sob a orientação de médicos especializados em dor.

O Serviço poderá oferecer suporte aos setores de Emergência e Terapia Intensiva do hospital e para as equipes clínicas e cirúrgicas. Também poderá dar suporte nos seguintes casos: dor aguda pós-operatória e relacionada ao trauma; doenças crônicas (clínicas ou cirúrgicas) cursando com dor de difícil controle; dor crônica de diversas causas (doenças musculoesquelética, síndromes miofasciais, como a fibromialgia, doenças reumáticas, dor abdominal crônica, síndrome dolorosa complexa regional espontânea ou pós-trauma, doenças hematológicas, neoplasias, dor neuropática de qualquer origem etc.)

O objetivo do serviço é oferecer atendimento multidisciplinar na promoção do tratamento de diversas síndromes dolorosas, agudas e crônicas, de acordo com os padrões de excelência e qualidade internacionais.

O atendimento será feito por uma equipe multidisciplinar através de uma abordagem interdisciplinar , sob a coordenação dos médicos anestesiologistas Dra. Mariana Mafra Junqueira e Dr. Pedro Paulo Vanzillota. Também contará com apoio de outros profissionais (psicólogos, fisioterapeutas) que atuarão de forma integrada, de acordo com as indicações de cada caso.