Instituto Ética Saúde assume papel de liderança na Coalizão Interamericana

O Instituto Ética Saúde foi um dos participantes do encontro da Coalizão Interamericana para a Ética na Saúde, em São José, na Califórnia, entre os dias 23 e 25 de setembro. O alinhamento de Códigos de Conduta Mundiais, a aproximação com órgãos governamentais, a avaliação de casos de sucesso nas associações ligadas ao setor de saúde e o compartilhamento de informações entre os países que integram o grupo foram os principais temas abordados.

A partir de agora, o Instituto assume um papel estratégico no apoio à Coalizão para desenvolver estratégias efetivas de engajamento e comunicação com partes interessadas não industriais, incluindo organizações profissionais de saúde e sociedades médicas. “Vamos apresentar, no próximo Comitê Executivo da Coalizão, em novembro, um resumo das principais divergências de questões éticas com a indústria farmacêutica dentro da região, incluindo patrocínios diretos”, conta o presidente do Conselho de Administração, Gláucio Pegurin Libório, que estava acompanhado do assessor Técnico do IES, Marlon Franco.

Também estavam presentes os demais integrantes da Coalizão Interamericana de Ética no Setor de Dispositivos Médicos, que reúne associações de tecnologias médicas do Brasil, Estados Unidos, Canadá, México, Argentina, Chile, Colômbia, Peru, Equador e Venezuela.

O Plano de Ação (2017-2020) apresentado no encontro inclui o desenvolvimento de estratégias nacionais, que, em um primeiro momento, se concentrarão em uma avaliação do setor de tecnologia médica local. “A implementação deste plano de ação se dará entre setembro de 2017 e abril de 2018, quando o grupo se reunirá novamente em São Paulo”, finalizou Gláucio Pegurin Libório.

Tanto o Plano de Ação quanto os Termos de Governança da Coalizão foram apresentados na Advamed Medtech, realizada no mesmo local, de 25 a 27 de setembro.